Segunda-Feira, 18 de Dezembro de 2017
Michel Temer e Lauro Michels: Juntos querem acabar com nossos direitos!

O Prefeito Lauro Michels quer diminuir seu salário, dificultar o cuidado com seus familiares, piorar sua saúde e acabar com a qualidade do serviço público em Diadema.

Algumas “facadas” que o Prefeito quer dar nas costas dos Funcionários Públicos de Diadema:

* QUARTA – PARTE: Para ter direito a quarta parte no salário, o funcionário terá que trabalhar 25 anos ao invés de 20 como atualmente.  

* BIENIO: O biênio que é o adicional por tempo de serviço de 3% do salário base a cada 2 anos de serviços prestados na Prefeitura de Diadema,  passa a ser “TRIENIO” ou seja,   3% a cada 3 anos de efetivo exercício , e pior limitado a 30% ou seja, a 10 “triênios” 

* FALTA ABONADA: As faltas abonadas, direito do trabalhador, pois se refere ao dia 31 dos meses que tem e não são pagos, poderão ser requeridas apenas 1 por bimestre e apenas se Funcionário não tiver utilizado faltas justificadas ou injustificadas no bimestre anterior. O funcionário em estágio probatório perde o direito a falta abonada.

* FALTA JUSTIFICADA: As faltas justificadas, que são aquelas que acarretam o desconto do dia de trabalho, passarão de 12 para 06 ao ano. 

* LICENÇA PARA ACOMPANHAMENTO FAMILIAR - ARTIGO 142: A licença médica para cuidar de pessoa doente na família muda -  atualmente os vencimentos são integrais até 30 dias;  a proposta do Prefeito é que sejam apenas por 15 dias, e que fique sem remuneração a partir do 46 (quadragésimo sexto) dia, e não com 90 (noventa) dias como está garantido atualmente;

* LICENÇA PARA TRATAR DE ASSUNTOS PARTICULARES: A Licença para tratar de assuntos particulares passa de 2 anos para apenas 6 meses, e fica proibida para quem estiver em estágio probatório;

*REPRESENTAÇÃO SINDICAL: Querem enfraquecer o Sindicato.  A representação sindical deixa de ser até 8 funcionários, para até no MÁXIMO 3 funcionários.

 * LICENÇA PREMIO:  Não terá mais direito a licença prêmio o funcionário que tiver, falta injustificada, e por motivo de doença na família por mais de 45 dias;

* FÉRIAS: As férias serão reduzidas a 20 dias quando o funcionário tiver 5 faltas injustificadas, mais de 5 perde o direito a férias. Durante as férias o funcionário perde o direito de receber gratificações (por exemplo, Função Gratificada dos Diretores, Vice-Diretores de Escola e Coordenadores)  e complementos de jornada (jornada suplementar). Perdem as férias os funcionários que tirarem licença para tratamento médico de familiar por mais de 45 dias.

* LICENÇA ADOTANTE: A funcionária adotante perdera o direito a licença que hoje é de 180 dias para adoção de crianças até 7 anos.

 E tem mais... muito mais!!!

Seu futuro profissional e o futuro do serviço público de qualidade na nossa cidade estão sob ameaça!

PARE, PENSE, REFLITA E VENHA COM TUDO PRA LUTA!

DIA 26 DE OUTUBRO, 5ª. FEIRA É DIA DE PARALISAÇÃO - CONCENTRAÇÃO NA SEDE DO SINDEMA ÀS 08 E ÀS 13 HORAS NA CÃMARA DE DIADEMA

 


Imprimir   Enviar para um amigo

Comentários

*Nome:
*Email:

*Comentário:

Seja o primeiro a comentar!

Vídeos
Estação